Busca

Notícias

Assuntos no Simproc são desativados para novas autuações

Desde 16 de novembro de 2017, os assuntos já migrados ao SEI estão sendo gradativamente desativados no Simproc. Para esses assuntos, novos processos só poderão ser autuados no SEI. Essa ação faz parte do trabalho para cumprir a Meta 34.4 do Programa de Metas 2019-2020 e o determinado no Decreto 57.868/17, que estabelece que todos os processos administrativos da Prefeitura passem a ser gerados exclusivamente em meio eletrônico até o final de 2018.

São mais de 380 tipos de processos no SEI: processos de licitações, pagamentos, celebração de parcerias, bens patrimoniais e muitos em relação à gestão de pessoas já são autuados e tramitados exclusivamente no SEI, conforme definido na Portaria SMG n º 01/2016.

A relação detalhada dos assuntos e subassuntos do Simproc que foram desativados pode ser conferida clicando aqui. A planilha indica também os códigos desses processos, bem como sua data de migração e qual o tipo de processo equivalente no SEI. A desativação não afetará os processos já autuados e ainda em tramitação.

A implantação do SEI na Prefeitura de São Paulo está em estágio avançado: 82% dos processos gerados na Prefeitura são eletrônicos, totalizando mais de 547 mil processos gerados. Também capacitamos pelo menos 25 mil servidoras e servidores públicos para utilizar o SEI no dia a dia da gestão de processos administrativos, um dos principais esforços realizados no envolvimento de toda a Prefeitura em modernizar nossa gestão pública.

Todas as dúvidas e questões sobre o uso do SEI podem ser encaminhadas para a equipe do SEI Suporte pelo email seisuporte@prefeitura.sp.gov.br e pelos telefones 3396-7077/ 7079/ 7080.

Além disso, é possível consultar a seção de Guias Rápidos do site do Processo Eletrônico, onde preparamos infográficos para explicar as principais mudanças e o passo a passo de alguns tipos de processo.

 

SOBRE O SISTEMA ELETRÔNICO DE INFORMAÇÕES (SEI)

Após um longo processo de análise, a Prefeitura adotou o Sistema Eletrônico de Informações (SEI) para a modernização dos processos administrativos. Essa escolha é compatível com a de outros órgãos públicos federais, estaduais e municipais que formam a iniciativa do Processo Eletrônico Nacional (PEN), coordenada pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão.

O SEI foi criado e cedido gratuitamente pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) à Prefeitura em 2014, por meio de um Acordo de Cooperação Técnica. A plataforma possibilita o aumento da eficiência administrativa e a simplificação de procedimentos, bem como maior celeridade e a eliminação de extravios, além de responder à demanda dos cidadãos por modernização da gestão pública e acesso à informação. A utilização do SEI é obrigatória para todas as secretarias, Prefeituras Regionais e entidades da administração indireta, nos termos do Decreto Municipal nº 55.838/15.

Comentar

Comentários

2 comentários

  • Maria Matiko Adachi disse:

    Parabéns a todos os envolvidos, até que enfim um prazo será cumprido, ao que parece!! 🙂

  • naldo disse:

    Um sonho antigo que tentaram em meados da década de 80 e veio se arrastando ate então implantado e sendo aperfeiçoado é um respeito a todos os Clientes (Munícipes), sem o qual não teria a razão de ser criado…….

Secretaria Municipal de Gestão
Viaduto do Chá, 15, 8º andar
Centro
CEP 01002-020
Secretaria Municial de Inovação e Tecnologia
Rua Libero Bardaró, 425, 4º Andar
Centro
CEP 01009-905

(11) 3396-7080